A idade dos Porquês

A idade dos Porquês

A idade dos Porquês

Acontece por volta dos 3 anos e por muito cansativa que seja para os pais ela indica, quando acontece na altura prevista, que o desenvolvimento do seu filho está a correr como previsto.

Eles só desejam conhecer o mundo que os rodeia, começam a ter consciência dos outros e de si próprios inseridos numa determinada realidade e o nosso papel é ajudá-los a ir montando o puzzle… uma peça de cada vez.

A Luísa há muito que está nessa fase e por vezes, confesso, que temos de cerrar dentes e respirar fundo, para continuar a responder às suas questões que se encadeiam umas nas outras como cerejas.

Perante este ataque cerrado, prepare-se:

  • Nunca deixe de responder a uma pergunta, por difícil que seja, se não souber responder diga que não sabe porque a mamã ou o papá também não sabem tudo, e não têm todas as respostas, mas que vão tentar saber e depois explicam-lhe.
  • Não invente uma mentira ou uma resposta fantasiosa. Existem muitas outras alturas para fantasiar. O que ele pretende é uma resposta concreta, explicada numa linguagem que perceba. O que espera de si é a verdade e se quer que o seu filho confie nas suas afirmações, não deve mentir-lhe.
  • Oiça com atenção. Espere que ele formule a pergunta, com esta idade por vezes não sabem formular as perguntas para o que querem realmente saber… dê-lhe tempo para se exprimir.
  • Beba mais um chazinho de camomila, para os nervos, e aproveite esta fase fantástica!

Gostou deste artigo?

Subscreva o nosso Feed RSS, siga-nos no Twitter ou simplesmente recomende-nos aos seus amigos e colegas!

Posts relacionados: